A Voz do Pastor
A Voz do Pastor no Facebook
A Voz do Pastor no Twitter
A Voz do Pastor no Youtube
Uma alma salva vale mais que dez mil mundos...
Rádio Online:
Rádio Online
Culto Ao Vivo:

Pesquise em nosso site:
A Voz do Pastor
A Voz do Pastor no Facebook
A Voz do Pastor no Twitter
A Voz do Pastor no Youtube
Rádio Online:
Rádio Online
Culto Ao Vivo:
Culto ao vivo
Notícias

Estudo: Uma Vez Mais





Agora você pode imaginar a responsabilidade de falar para um grupo que se posiciona sobre cada palavra que você disser, e então você terá que responder pelo que disse a eles no Dia do julgamento. Porque, através do pequeno e humilde ministério, isto dá ao povo a fé para saber que um ser humano não pode fazer aquelas coisas. Isto tem que vir de Deus, então nisto eles se colocam em cada palavra que você diz. Então eu nunca tento edificar algo, pensar, ou anotar Escrituras e notas que seriam algo que eu pensei que faria as pessoas ficarem todas eufóricas. Veja, eu tento orar e pensar em algo que seja construtivo para vocês, que lhes ajude.

(Parágrafo 18)

Mensagem pregada por William Marrion Branham.

Lideres: Luana e João Vitor.

Alessandra, Alesson, Camila C., Jonatas, Lukas e Miriã.

Nesta mensagem o irmão Branham nos fala sobre a história de Sansão, um grande homem de Deus, valente guerreiro, o qual se deixou enganar pelo amor de uma mulher chamada Dalila, entregando a ela o segredo que era a chave de sua vitória e desta maneira distanciando-se da promessa de Deus.

O profeta nos mostra que assim como Sansão aceitou Dalila, a igreja tem aceitado dogmas, escrito livros de catecismo com suas próprias doutrinas e se afastado das Promessas de Deus. Sansão era poderoso enquanto Deus estava com ele, e uma igreja só pode ter vitórias se Deus estiver com ela, porém o que se vê são igrejas vazias “a ponto que ela não se torna outra coisa senão um alojamento” (§ 50).

Assim como Dalila entregou Sansão aos filisteus e estes lhe furaram os olhos, da mesma forma o diabo tem feito muitas pessoas prisioneiras do mundo, muitas igrejas prisioneiras de credos, fazendo com que elas fechem seus olhos para a luz do evangelho e caiam em uma condição de cegueira espiritual, a ponto de perderem completamente o seu poder.

Mas um dia, depois de ser derrotado e humilhado pelos filisteus, Sansão parou e começou a pensar em suas grandes vitórias e nesse momento ele clamou “Senhor, vingue meus olhos” “Eu tenho errado. Mas apenas uma vez mais, Senhor, uma vez mais!” “Permita-me morrer com o inimigo”. Ele sabia que ainda havia uma possibilidade, pois Deus é misericordioso e cheio de amor.

E hoje a igreja também precisa olhar para o alto e lembrar do mover de Deus no dia do Pentecostes, lembrar que Ele abomina a idolatria, os credos, a tradição, a mistura com o mundo. A igreja precisa morrer para todas essas coisas, pois só assim Deus poderá agir uma vez mais.

Não é a Palavra de Deus que deve ser alterada a nosso favor, somos nós que devemos nos ajustar a Ela!

Grupo 02

Lideres: Marcelo e Nicolle.

Ana Ritta, Cleberson, David, Jairo Jr., João Pedro, Lucas Paris, Mariane, Thiago B., Vitor, Zipora.

A mensagem “Uma vez mais” foi pregada em 17 de novembro de 1963, em Nova Iorque, EUA. Nessa pregação o irmão Branham lê em Juízes, no capítulo 16 e versículo 23, onde conta quando Sansão tinha sido preso pelos filisteus e eles estavam comemorando a vitória sobre o povo e o Deus de Israel. Foi um momento triste para Israel, pois haviam levado cativo um homem muito importante para os hebreus. Os filisteus haviam cortado os cabelos de Sansão e furado seus olhos, eles estavam em um “feriado nacional” naquele dia, estavam em festa, bebendo e celebrando a vitória sobre Jeová. “Que desgraça! Que coisa tinha acontecido! O homem tinha falhado. Não, Deus não tinha falhado” (parágrafo 42). E o irmão Branham faz um paralelo sobre isso no parágrafo 53: assim como Sansão tinha perdido seu poder, a igreja hoje tem perdido seu poder – sua coragem – a igreja não tem mais influência como Corpo de Cristo, temos aceitado dogmas e tradições e todas as coisas que o mundo oferece nós o temos aceitado, é como se a igreja não fosse mais o templo de Deus, mas sim um alojamento, onde as pessoas se reúnem, tem seus momentos e vão embora. Deus não está nessas coisas, Ele não está nas tradições, Ele não está pessoas mortas espiritualmente, porém Deus está em Sua Palavra e em pessoas que ficam com a Sua Palavra. Um amigo do irmão chegou para ele e disse que esperava encontra com o Senhor quando ele se formasse, mas ele não O encontrou, e então o irmão se formou em mestrado e em doutorado e em todas essas coisas, todavia ainda assim não encontrava a Deus. Deus não está em conhecer muitas coisas, o estudo não é errado, não obstante Deus está em Sua Palavra, basta aceitarmos a Sua Palavra que então, estaremos aceitando-O. No parágrafo 58, o irmão Branham nos mostra onde os fundamentalistas e  pentecostais erraram; os fundamentalistas têm a mecânica – eles conhecem a Palavra de ponta a ponta – porém não tem o Espírito Santo (a dinâmica), os pentecostais têm a dinâmica – a operação dos dons do Espírito, todavia lhes falta a base (conhecer a Palavra); se essas duas classes se unissem  “o grande regime de Deus começaria a se mover adiante”. Esse foi exatamente o plano de Satanás, fazer tudo de forma mecânica sem nenhuma dinâmica, ou o reverso. Por isso a igreja hoje necessita do Espírito Santo, porque nós temos a mecânica, nós conhecemos a Palavra, se nos contentarmos somente com isso nos tornaremos mais um grupo de fundamentalistas, mas nós somos a Noiva de Cristo e isto não vai acontecer, porque Deus terá um Povo  preparado e selado com o Espírito Santo.

Grupo 03

Lideres: Leyla e Lucas M.

Aléxia, Eliezer I., Ester, Gabriel R., Gean e Valsir Jr, Lucas M.

Esta mensagem pregada por nosso profeta, mais uma vez nos faz refletir em: Onde desejo passar a Vida Eterna? A encenação feita referente a história Bíblica de Sansão conta que desde criança tinha a proteção de Deus, porém, não poderia entregar o seu segredo (cortar as tranças do seu cabelo). Imagino que Sansão com o passar dos anos, ficou tão convencido que era “invencível”, indo em terrenos Filisteus. De certa forma ele cria que Deus existia, e cria que Ele o livraria todas as vezes, mesmo estando em pecado; foi aí que Dalila o ludibriou, contou seu segredo e, como o esperado, perdeu suas forças, chegando a desgraça.

Nos colocamos diante dessa história não como mais uma história, mas como se isso se repetisse em nossos dias: Deus desde o princípio nos criou, morreu por nossos pecados, ressuscitou para que hoje pudesse habitar em nós. Mas nós negligenciamos Seu amor, damos lugar muitas vezes ao terreno do inimigo, somos ludibriados. Culpa de Deus?! Não! Nossas culpas, nossas negligencias. Que Deus possa ter misericórdia e que enquanto há tempo possamos pedir por UMA VEZ MAIS SENHOR. Enquanto há Sangue no Propiciatório existe a Graça.

Deus vos abençoe!

Grupo 04

Lideres: Karen e Deividy.

Elias, Jessé, Josué, Rozeana, Samara e Samuel.

Parágrafo 19:
Veja, as pessoas sabem o que você é, pela maneira que você vive e pelas coisas que você faz.

   Nossas ações falam mais alto que nossas palavras. Em todos os lugares que vamos, sempre existe alguém observando nossa maneira de falar, de vestir, de agir, somos observados todo o tempo.Cada um de nós é uma testemunha de Cristo, e temos por dever transmitir um bom testemunho para aqueles que estão ao nosso redor.                      Todas as vezes em que aquilo que transmitimos através de nossas ações é contrário à palavra de Deus, não é apenas nossa imagem, mas também a de Deus que é afetada, pois somos seus servos e aquilo que fazemos é relacionado diretamente a Ele.
Devemos estar mais alertas quanto à mensagem que transmitimos para as pessoas, afinal, é ela que nos identifica.

Grupo 05

Lideres: Eliana e Celso L.

Alana, Cyndel, Diná e Matheus B.

Os filhos de Deus estão em todos os lugares.  Deus não escolhe por grau ou escolaridade, classe, diplomas, mas ele pega aquele que não tem mais  o que fazer e muda o quadro fazendo alguém segundo o coração Dele. Deus é maravilhoso, pois não é o ser humano que busca a Deus e sim Ele que escolhe a quem tratar.

Podemos ver que nessa mensagem Deus usou a Sansão de várias formas pra derrotar os filisteus, e nunca desamparou o mesmo, dando a ele sempre as vitorias. Ate ele se deixar  ser engando pela mulher que estava do seu lado, entregando o seu segredo, um segredo  que só Deus e ele sabia. A partir do momento que o mesmo deixou Deus de lado, foi derrotado e maltratado pelos seus inimigos, lhe tirando a visão do que era verdadeiro, e segando seus olhos e coração para o que Deus tinha lhe prometido.  Mas quando chamado para estar como sendo um palhaço aos filisteus, ele suplicou para que o Pai ( Jesus ) desse a ele uma chance a mais, fazendo assim sacrifício de sua vida, para que morresse junto com os seus inimigos.

Colocando e baseando tudo isso em nossas vidas, no tempo de hoje muitas vezes deixamos que o inimigo nos cegasse para as coisas de Deus, fazendo que compartilhassem com as coisas do mundo, fazendo com que o mundo zombe de nós cristãos.               Quando percebemos, estamos na arena e suplicando a Deus mais uma chance, e  o Senhor como é misericordioso nos concede. Hoje ainda temos a misericórdia que se renova a cada manhã, e ainda a sangue no propiciatório…

Deus é tão maravilhoso que faz com que no tempo em que estamos vivendo,  tem nos dado um profeta, pastor, mensagem para nos guiar aos céus.

Deixe as coisas do mundo para trás, mas lembrando sempre que Deus não trabalha com templos ou multidão, Ele trabalha com individuo, ( EU ), isso nos mostra que Ele ainda é o mesmo, e não mudou e nunca vai mudar, é uma fonte transbordante, basta tomar da água que nos dá a vida eterna.

“ Sansão falhou e livrou-se da promessa…Esta é a mesma coisa que a igreja tem feito;” ( Pag.75 )

Que Deus me ajude a não fazer isso, como sendo a igreja e Noiva de Cristo. Não deixa as Suas promessas de lados porque Essa sim nunca falha.

Grupo 06

Lideres: Elisama e Israel

Andressa, Daiane Salles, Eliel, Eduardo M., Gabriel T., Gideon M., William S.

Para adquirirmos o Espírito Santo , devemos primeiro nascer de novo, e para que isto ocorra , devemos agir como Sansão , morrer com nossos inimigos, Sansão desejou pagar o preço para conseguir o poder de  Deus .
Deus está ansioso para dar-lhe do seu Espírito , mas para isso você precisa desejar morrer com seus inimigos , morrer com o seu ” Eu ” para que Deus habite em você, nascer de novo . como o profeta diz no parágrafo 115 : “[…] Permita-me morrer para mim mesmo . Eu não me importo com o que eles disseram acerca de mim […]”.
Mas o que aconteceu com Sansão afinal? Ele permitiu uma mulher seduzi-lo e distancia-lo da promessa de Deus , permitiu que ela raspasse sua simgularidade . No parágrafo
84 : ” E esta e a mesma coisa que tem acontecido vom a igreja . Vocês são nascidos um povo peculiar , uma nação santa , um sacerdócio real . Mas o que acontece? Você tem permitido o mundo raspar sua peculiaridade a ponto que você se tornou um deles.”
Devemos  manter nossa singularidade , Deus nos fez a Promessa de que um dia voltará e levará sua noiva , devemos tomar a primessa e seguir firmes á ela , sem olhar para o que o mundo tem a dizer sobre nós , e então viveremos com Ele por toda eternidade.





Deixe um comentário:

0 Comentários

Deixe o seu comentário!


Loading Facebook Comments ...

Pedido de Oração ou Testemunho

captcha

Recomende A Voz do Pastor para seus amigos:
A Voz do Pastor no Facebook
A Voz do Pastor no Twitter
A Voz do Pastor no Youtube