A Voz do Pastor
A Voz do Pastor no Facebook
A Voz do Pastor no Twitter
A Voz do Pastor no Youtube
Uma alma salva vale mais que dez mil mundos...
Rádio Online:
Rádio Online
Culto Ao Vivo:

Pesquise em nosso site:
A Voz do Pastor
A Voz do Pastor no Facebook
A Voz do Pastor no Twitter
A Voz do Pastor no Youtube
Rádio Online:
Rádio Online
Culto Ao Vivo:
Culto ao vivo
Estudos e Livros
Perguntas e Respostas: Unicidade

Prezado Irmão, referente à sua pergunta, que diz: Como explicar, sendo Jesus o próprio Deus, e não uma segunda pessoa, então como Estevão O viu à destra de Deus? De acordo com Marcos 16:19, Atos 7:56, Lucas 22:69, Atos 5:31 e Hebreus 8:1.

E disse: Eis que vejo os céus abertos, e o Filho do homem, que está em pé à mão direita de Deus. Atos 7:56

Ora, a suma do que temos dito é que temos um sumo sacerdote tal, que está assentado nos céus à destra do trono da majestade. Hebreus 8:1

Ora, o Senhor, depois de lhes ter falado, foi recebido no céu, e assentou-se à direita de Deus. Marcos 16:19

            

            Quando a Bíblia usa a expressão: “… está em pé à mão direita de Deus”. Para compreender esta citação, primeiro temos que saber como Deus é. Vemos em São João 4:24 que diz: “Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade”. Em Lucas 24:39 diz: “Vede as minhas mãos e os meus pés, que Sou eu mesmo; apalpai-me e vede, pois um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que Eu tenho”. Então, aqui estamos vendo um Deus que é Espírito e que não tem carne nem ossos. Se um espírito não tem carne nem ossos, e Deus enche os céus e a terra, entendemos quando a Bíblia usa as expressões: “A mão do Senhor não está encolhida”, “Os olhos do Senhor estão sobre toda a terra”. Não quer dizer que um espírito tenha uma mão como a nossa. Mas está dizendo que Ele não está inerte, mas que Ele tem uma ação, tem uma providência para te levantar. Isto é o que quer dizer “mão” na linguagem da Bíblia. Quando a Bíblia diz que os olhos de Deus estão sobre toda a terra, está dizendo que Ele é o grande Onipresente que vê todas as coisas. Então se Ele é Onipresente, Onipotente, que enche os céus e a terra, onde esta, então, o lado direito de Deus? Quando a Bíblia diz: “… sobre a destra de Deus”. Está dizendo: Sobre o poder de Deus, porque destra quer dizer poder, autoridade, e não o lado físico.  Deus está falando sobre a Sua autoridade, seu poder. Então este Deus que é Espírito, Ele é infinito (Jeremias 23:24). Ele não tem lado direito ou esquerdo, ele não tem mãos porque é Espírito. Em S. João 1:18 diz: ” Deus nunca foi visto por alguém. O Filho unigênito, que está no seio do Pai, esse o revelou”. Também I Timóteo 6:16 diz: “Aquele que tem, Ele só, a imortalidade, e habita na Luz inacessível; a Quem nenhum dos homens viu nem pode ver, ao qual seja honra e poder sempiterno. Amém.” Nessas Escrituras nós vemos que Deus é invisível. Então como é que Estêvão podia estar olhando e vendo Deus, quando Ele nunca foi visto? A Bíblia não se contradiz. Então o que ele estava vendo era a glória do Senhor, e viu Jesus debaixo desta autoridade, pois Jesus é a expressa imagem de Deus, ou seja, Jesus é a manifestação do poder de Deus. Isto é o que Estêvão estava olhando e viu. A resposta para o que Estêvão estava vendo, está em Êxodo 24:16-17. Nunca pense que ele viu duas pessoas, Deus e Jesus, mas o que ele disse é que Jesus estava em pé diante desta glória.

            Alguém pode se perguntar: “Por que é que Jesus orava a Deus que estava lá em cima no Céu?” Não! Jesus não orava a um Deus que estava lá em cima, mas ao Deus que estava dentro Dele. Temos que entender que o Deus Espírito para poder ser tentado e morrer por nós, teve que ter uma segunda natureza, a qual foi a natureza humana que estava no corpo que Ele encarnou. Como diz João 1:14: “E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade”. Quando Ele orava, era a natureza humana orando a este Espírito que estava dentro Dele.

Alguém ainda pode dizer: Não entendo porque Paulo, em II Tessalonicenses 1:1-2, falou distintamente: “Graça e paz a vós da parte de Deus nosso Pai, e da do nosso Senhor Jesus Cristo”. O que temos que fazer é olhar para o Pai como Espírito. O Espírito que não se vê, mas O vemos na pessoa de Jesus Cristo. Paulo estava citando em sua saudação as duas manifestações de Deus: a manifestação de Pai e Filho. Como está escrito em S. João 14:9: “Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai?”

Que o Senhor lhe abençoe!

Pr. Daniel Borges Vieira



Pedido de Oração ou Testemunho

captcha

Recomende A Voz do Pastor para seus amigos:
A Voz do Pastor no Facebook
A Voz do Pastor no Twitter
A Voz do Pastor no Youtube